Os temas dos processos autodestrutivos, automutilação, morte, suicídio e luto ainda são tabus. Apesar do estigma, constatamos que o assunto está cada vez mais presente na vida seja pela experiência direta, seja pelo significativo aumento de casos de homicídios, suicídios, de atos de violência e de auto-agressão, sobretudo em jovens brasileiros.

Colunista responsável: Psic. Naiane Martins

"O estudo e a discussão do tema suicídio é uma das formas mais eficientes de se promover a prevenção!"